Folha de caderno

Saudade

Do silêncio surge a saudade
num grito abafado de temor,
corrompendo toda a calma
com a sua dor

Me encontro num vazio profundo
da guerra entre o amor e a razão;
Sou dominada pela sombra clara dos teus olhos
me cobrindo de paixão.

Tudo isso se cria em minha mente
de forma absurda e real,
me fazendo lembrar dos nossos encontros
e da nossa união fatal.

Tento esquecer-te
ao menos por um instante,
esquecer de tudo e de todos
numa farsa totalmente agonizante

Componho em mim uma utopia por ti
na busca por prazer sólido e eterno.
Faço mil planos
tentando fugir desse inferno.

Na minha hipocrisia medíocre
me encontro no acaso de tuas lembranças
fazendo nascer novamente em mim
as minhas esperanças.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s